Permissão Padrão Recomendada para Blog WordPress

Rate this post

O WordPress possui permissões recomendadas tanto para as pastas (diretórios) como para os arquivos. Permissões, neste contexto referem-se à o quê pessoas podem fazer com arquivos e pastas. Note também que existem as seguintes divisões de atribuições de permissões:

a) Dono do Arquivo: Quem criou o Arquivo ou pasta no servidor
b) Grupo: Grupo de usuários do Arquivo ou pasta. Note que cada arquivo ou pasta pertence a um grupo específico, e estas permissões referem-se aos usuários que estão neste dado grupo
c) Permissões públicas: Permissões gerais que qualquer um terá ao interagir com dado arquivo ou pasta.

É importante ter ao menos uma noção mínima sobre isso pois quando você for dar permissões para arquivos e pastas, deverá definí-las para estas três categorias.

Permissão Padrão Recomendada para Blog WordPress

Na documentação do blog WordPress você encontra a seguinte recomendação:

a) Permissão 775 para todas as pastas
b) Permissão 644 para todos os arquivos

Mas como fazer isso? Ir de arquivo em arquivo modificando as permissões? Não, claro que não. Existem programas avançados hoje que facilitam nossa vida, por exemplo o cliente FTP Filezilla, com ele você pode modificar as permissões de vários arquivos e pastas de uma única vez. Veja a seguir mais detalhes sobre isso:

Permissão Padrão Recomendada para Blog WordPress: Aplicando Permissões

A meu ver, a forma mais fácil de modificar permissões de arquivos é fazer isso utilizando algum programa cliente FTP. Eu costumo utilizar o Filezilla que é um aplicativo gratuito e de fácil entendimento.

Após baixar o Filezilla, execute-o e faça conexão remota com o teu servidor de hospedagem web. Se você tiver dúvida sobre url, login e senha para conectar via ftp, deverá entrar em contato com a empresa onde você hospeda teu site, eles deverão te informar tais dados.

Já com o programa aberto e conectado ao teu servidor web de hospedagem, procure a pasta pública que geralmente é: www, ou public_html. Note que esta é a pasta onde fica o conjunto de arquivos que forma o teu website. Clique com o botão direito do mouse sobre a pasta pública e depois em permissões do Arquivo. Veja a imagem abaixo:

Permissão Padrão Recomendada para Blog WordPress

Ao clicar em “Permissões do Arquivo” será aberta outra janelinha para você poder definir de fato as permissões. Nesta janela, a forma mais fácil é você digitar o valor da permissão manualmente no campo específico, marcar se é para aplicar somente em diretórios, diretórios e arquivos ou somente arquivos e depois clique no botão OK

Para o blog WordPress, a dica é seguir estes passos:

Permissão Padrão Recomendada para Blog WordPress: Arquivos

a) Primeiro digite o valor 644
b) Marque a opção aplicar a subpastas
c) Marque a opção “APlicar Somente A Arquivos”
d) Clique no botão OK.

Veja a imagem abaixo:

Permissão de arquivos para blog WordPress

Isso fará o Filezilla modificar as permissões de todos os arquivos para 644.

Permissão Padrão Recomendada para Blog WordPress: Pastas

a) Primeiro digite o valor 755
b) Marque a opção aplicar a subpastas
c) Marque a opção “APlicar Somente A Pastas”
d) Clique no botão OK.

Isso fará o Filezilla modificar as permissões de todas as pastas.

Permissão Padrão Recomendada para Blog WordPress: Uploads

Se você estiver enfrentando problemas para fazer upload de mídia através de teu painel WordPress, volte ao Filezilla, navegue até para dentro da pasta wp-content e aplique as permissões 777 para a pasta uploads, marque “Aplicar a Subpastas” e Marque “Aplicar somente a Pastas”.

Note também que o CMS WordPress te permite modificar arquivos através do painel de gerenciamento, como por exemplo, editar arquivos do tema, editar arquivos dos plugins do teu blog, etc. Se tu for utilizar algum destes recursos, deverá dar permissão 777 para a pasta do tema ou do plugin que você for editar. Para quem não sabe, os plugins ficam no diretório wp-content/plugins e os temas ficam no diretório wp-content/themes

Permissão Padrão Recomendada para Blog WordPress: Conclusão

Eu particularmente falando, não gosto de editar arquivos de plugins ou temas através do painel do WP. EU prefiro baixar o arquivo para o computador, editar em algum editor html como o Dreamweaver e depois reenviar o arquivo modificado. Contudo, se você for fazer isso, os profissionais de segurança aconselham que você, após modificar o arquivo desejado, acesse o FTP e modifique novamente as permissões das pastas de plugins e temas para 755.

Em suma, é bom ter em mente que o recurso de permissões está aí para aumentar a segurança de nosso site. Sei que as vezes pode ser um pouco chato ter de ficar configurando permissões para arquivos e pastas, mas se tu utilizar as dicas que eu coloquei neste artigo, com certeza em menos de 10 minutos você estará com todos os arquivos e pastas devidamente configurados para rodar seu blog WordPress

2 respostas a Permissão Padrão Recomendada para Blog WordPress

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *